Biólogos croatas descobrem nova espécie de água-viva

Biólogos marinhos da Croácia descobriram uma espécie até então desconhecida de medusa, popularmente conhecida como água-viva, que habita apenas um lago de água salgada isolado na ilha de Mljet, no mar Adriático.

A espécie tem 24 milhões de anos e está situada muito inferior na cadeia de evolução, disse Adam Benovic, do Dubrovnik Institute of Oceanography.

O biólogo informou que o parente mais próximo da espécie descoberta pode ser encontrado perto das Filipinas, também em um lago de ilha.

“O que é sensacional é que um organismo desse tipo ficou isolado por tanto tempo nesse lago pequeno,” disse Benovic, segundo a agência Reuters.

A água-viva, parte da família Aurelia, receberá um nome depois que for reconhecida e classificada formalmente como uma nova espécie.

Uma equipe de especialistas continuará a pesquisa em Mljet, uma ilha pouco povoada com diversos lagos. Há indicações de que haveria outras espécies desconhecidas de água-viva e caranguejos, disse Benovic. (CNN)