Turismo em cavernas é regulamentado pelo Ibama

O presidente do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e do Recursos Naturais Renováveis) Hamilton Casara, assinou na quinta-feira uma portaria que regulamenta o uso turístico de 2.700 cavernas cadastradas pela instituição.

O projeto piloto começará pelas grutas da Chapada Diamantina, na Bahia, e na gruta dos Ecos, em Goiás.
Deverão ser implantadas planos de manejo ecológico aprovados pelo Ibama, zoneamento ambiental, e de resgate de acidentados, indispensáveis para conservação desse frágil ecossistema e valioso patrimônio.
(Folha de São Paulo)