Extração do óleo de andiroba e de copaíba é monitorada

O presidente do Ibama, Hamilton Casara, anunciou a implantação da primeira experiência científica do órgão com Planos de Manejo para extração comercial de óleos de copaíba e andiroba da Amazônia pelas populações tradicionais das comunidades de São Domingos e de Nazaré na Floresta Nacional de Tapajós, no Pará.

A iniciativa tem por finalidade regularizar a atividade tradicional na região – compatibilizando a conservação do meio ambiente com o desenvolvimento econômico sustentável, e ao mesmo tempo mostrar a viabilidade do manejo florestal como meio de sobrevivência das populações extrativistas que moram nas matas.

O projeto-piloto foi desenvolvido pela Associação Intercomunitária de Mini e de Pequenos Produtores Rurais da Margem Direita do Tapajós de Piquiatuba e de Revolta seguindo as linhas mestras do Projeto de Apoio ao Manejo Florestal Sustentável do Ibama, financiado com recursos internacionais do PPG-7.

O coordenador do ProManejo/Ibama, Antonio Carlos Hummel, informou que dispõe de US$ 1.700 para projetos comunitários dessa natureza.
(Último Segundo)