Recife tem pior Índice de Condições de Vida, diz pesquisa da ONU

Pesquisa da Organização das Nações Unidas (ONU), por meio do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), realizada em 12 capitais brasileiras, revela que Recife é a que apresenta as piores condições de vida.

Levantamento relativo aos anos de 1995 a 99 aponta números pouco animadores sobre saúde pública, educação, habitação, distribuição de renda e expectativa de vida, que é de 63,13 anos. A cidade de Curitiba ocupa o primeiro lugar no Índice de Condições de Vida (ICV), com expectativa de 67 anos.

Em Recife, a taxa de desemprego foi calculada em 11,7% e o salário médio, em R$ 243,00. Os dados utilizados pelo Pnud são do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). (Radiobrás)