Crescimento demográfico ameaça reserva de pandas na China

Jianguo Liu, professor da Universidade de Michigan que dirige uma equipe de cientistas norte-americanos e chineses, declarou que esta pressão humana é o que está por trás da destruição da floresta e do habitat dos pandas.

O governo chinês e as organizações internacionais como o WWF (Fundo Mundial para a Natureza), fizeram enormes investimentos para estabelecer a reserva em 1975. Já que a conservação dos pandas é uma causa popular no mundo todo e restam apenas cerca de 1.000 pandas que vivem em estado selvagem no mundo. Além disso, desse total, 10% estão na reserva de Wolong.

“Todos os esforços para proteger a área parecem ser em vão, já que a destruição por parte do homem é o fator mais crucial para o futuro dos pandas”, afirmou o professor Liu. ( ambientenrasil)