Vazamento no Alasca é o maior registrado na Tundra da região

Um buraco num oleoduto usado para transportar subprodutos de petróleo no norte do Alasca causou o vazamento de 350 mil litros de uma mistura de água salgada com óleo na Tundra – vegetação rasteira típica das regiões no extremo norte do planeta.

O incidente, que ocorreu neste domingo, é o maior derramamento que o Estado americano já registrou na vegetação.

Segundo o DEC – Departamento de Conservação do Meio Ambiente do Alasca, a mistura de água salgada com óleo é normalmente gerada no processo de extração de petróleo e é extremamente prejudicial à vegetação.

As causas exatas ainda são desconhecidas porque o incidente aconteceu em uma região do duto que fica embaixo de uma estrada. A informação foi divulgada na terça-feira pelo DEC.
(ambientebrasil)