Barcos são aprendidos em Itajaí

Operação de Fiscalização do Ibama, em parceria com a Marinha do Brasil e a Capitania dos Portos, realizada no litoral paranaense obteve sucesso ao encontrar dois barcos catarinense praticando a ilegalidade da prática da pesca de arrasto no periodo do defeso de espécie.

Os dois barcos oriundos de Santa Catarina, com 700 quilos de camarão, foram, interceptados e lacrados seus depósitos com a carga. Tendo que se apresentar em Paranaguá, os barcos fugiram e não cumpriram o acordo estabelecido.

Assim sendo, o Ibama/PR com apoio do Ibama de Santa Catarina e a polícia Federal, deslocou-se a Itajaí, onde encontrou os barcos com os lacres intactos e a carga havia desaparecido. Assim proprietário dos barcos foi multado em R$ 13.000,00 e os dois mestres das embarcações receberam os autos de infração um de R$8.000,00 e outro de R$5.000,00.

A Polícia Federal abriu inquérito para apurar a fuga e o sumiço da carga de camarões. As redes e as portas foram apreendidas.(IBAMA)