Fungo que ataca CDs é descoberto por cientistas

Cientistas espanhóis identificaram uma nova forma de fungo que destrói CDs. A descoberta foi feita por um geólogo do Museu de História Natural de Madri em CDs levados de Belize, na América Central, para a Espanha. O fungo, que pertence à família Geotrichum , ataca as bordas do CD, comendo plástico e alumínio e deixando o disco inutilizado. Cientistas disseram que, embora não seja comum, há registros de casos de fungos que atacaram substâncias artificiais feitas pelo homem, como o plástico, por exemplo.

Javier Garcia-Guinea, chefe do Departamento de Geologia do museu, disse acreditar ser o primeiro caso documentado de fungos atacando CDs. Ele disse já ter recebido relatos de ocorrências semelhantes.

— Este ano recebemos vários e-mails do Panamá, da Costa Rica e da Guatemala descrevendo casos parecidos em países tropicais.

O biólogo Marc Valls, do Centro Nacional de Biotecnologia, disse que as pessoas não precisam se alarmar. Segundo ele, o fungo só ataca os CDs em certas condições.

— Embora este fungo esteja bastante espalhado, ele só pode se desenvolver em alta umidade e alta temperatura, o que não é o caso na maioria das vezes — explicou.

Ele apontou o lado positivo da história: a contribuição que o fungo pode dar ao homem na degradação de substâncias artificiais.

— A natureza é muito sábia e todos os materiais que criamos mais cedo ou mais tarde serão degradados por algum organismo. (O Globo)

Esta entrada foi escrita emClipping
Ambientebrasil - Notícias located at 511/67 Huynh Van Banh , Ho Chi Minh, VN . Reviewed by 43 customers rated: 4 / 5