PROJETO EM SP ESTUDA VIABILIDADE DE ÓLEO DE GIRASSOL COMO COMBUSTÍVEL

O uso de óleos vegetais como combustível já é conhecido de longa data. Além de limpo e não agredir o meio ambiente é mais econômico. É o biodiesel. Pesquisas de vários institutos e universidades brasileiras tem validado e estudado tecnologia para a produção de biodíesel, com o óleo de diversas oleaginosas produzidas no Brasil.

A exemplo do que acontece na Alemanha, França e Estados Unidos já existe, no Brasil, a preocupação com a criação de normas e padrões técnicos para a produção e venda em escala comercial do biodiesel.

Técnicos da CATI – Coordenadoria de Assistência Técnica Integral, órgão da Secretaria da Agricultura do Estado de São Paulo vem acompanhando, na Fazenda Ataliba Leonel, localizada em Manduri, Interior de São Paulo, o comportamento de um trator MF235 com motor Perkina. Este motor funciona com óleo de girassol obtido na própria fazenda.

Segundo o engenheiro agrônomo da CATI, Dilson Rodrigues Cáceres, também envolvido no projeto, a expectativa é de que num futuro próximo, seja transferida, ao produtor rural, a tecnologia de produção de oleaginosas e a extração de óleo para movimentar tratores, colheitadeiras, veículos, motores de irrigação, gerar energia elétrica etc, partindo de conceitos de viabilidade na substituição total do diesel fóssil, esgotável, por diesel vegetal limpo e renovável.
(Com informações da Secretaria da Agricultura de São Paulo)