NATAL/RN COMEÇA A ELABORAÇÃO DA AGENDA 21

A Secretaria Executiva do Ministério do Meio Ambiente, Mônica Maria Libório, e a Diretora do FNMA – Fundo Nacional do Meio Ambiente, Eliane Fernandes, participaram, no sábado (14/12) do lançamento da Agenda 21 da cidade de Natal (RN), desenvolvido pela Associação de Apoio às Comunidades do Campo do Rio Grande do Norte (AACC/RN), com o apoio do FNMA. No mesmo dia, elas visitaram dois projetos selecionados no Programa Piloto de Apoio aos Pequenos Projetos coordenado pela AACC/RN com recursos do FNMA.

O apoio ao projeto “Construção da Agenda 21 de Natal” foi formalizado por meio de um termo de parceria assinado no último dia 13 de novembro no Ministério do Meio Ambiente. A proposta, que prevê o desenvolvimento da Agenda 21 Local na capital potiguar, parte de uma ampla articulação das instituições locais e da participação popular, para edificar as bases do Desenvolvimento Sustentável na cidade. Serão realizados eventos de mobilização e sensibilização dos moradores nos 36 bairros da cidade, para a construção de um diagnóstico participativo e de um plano de ações.

Uma das principais características do projeto, selecionado por meio do Edital 13/2001 – “Construção de Agenda 21 Local”, é a capilaridade da proposta, que busca envolver o maior número de atores sociais para que a construção do documento de Agenda 21 seja ampla e representativa. São parceiras do projeto: o Grupo Colméias de Projetos Assessorias e Serviços; o Instituto de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente do Rio Grande do Norte; o Consórcio do Plano Estratégico da Cidade de Natal; a Associação de Apoio a Produção e ao Pequeno Empreendimento; a Secretaria Especial de Meio Ambiente e Urbanismo; a Universidade Potiguar e a Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Os outros projetos visitados pela equipe do Ministério são: Educação Meio Ambiente e Geração de Renda executado pelo Grupo Colméia no Município de Idelmo/RN e Papéis Alternativos de Carnaúba desenvolvido pela Fundação Félix no Município de Pendências/RN. Essas são 2 das 10 propostas selecionadas por meio de edital específico lançado pela AACC-RN a partir do Programa Piloto de Apoio aos Pequenos Projetos. Estão sendo apoiadas, por esse programa, ações de autogestão e co-gestão dos recursos naturais no Bioma Caatinga e a convivência com o semi-árido nordestino.
(InforMMA)