BOLSAS DE ESTUDO NA ÁREA AMBIENTAL

O Programa Educação para a Natureza (EFN), da ONG norte-americana World Wildlife Fund (WWF) entra em atividade neste ano, no Brasil, pelas mãos do Instituto Internacional de Educação no Brasil (IIEB).

A experiência adquirida em quatro anos na organização e no desenvolvimento de programas educacionais direcionados à área ambiental permitiu que o IIEB assumisse a tarefa de divulgar e coordenar a iniciativa. O projeto, que teve início em 1994, investe em treinamento acadêmico para profissionais da área de conservação ambiental da África, Ásia e América Latina. As inscrições para o processo de seleção no Brasil estão abertas até o dia 21 de fevereiro.

Segundo Camila de Castro, gerente institucional do IIEB, o programa tem o objetivo de apoiar profissionais brasileiros em seus estudos de graduação e pós-graduação, custeando suas despesas acadêmicas, por no máximo um ano.

Para concorrer às bolsas de estudo do Programa EFN, as pessoas interessadas têm que preencher os oito pré-requisitos básicos determinados pelo WWF: estar matriculado no curso acadêmico para o qual solicita bolsa; possuir pelo menos dois anos de experiência profissional ou voluntária na área ambiental ou dois anos de vínculo com programas acadêmicos co-relacionados à conservação ambiental; comprometer-se em trabalhar no Brasil ou na América Latina por no mínimo dois anos após a conclusão do curso; não ter recebido bolsa de graduação ou pós-graduação do EFN anteriormente são algumas das exigências. Além disso, a área de estudo escolhida deve estar dentro dos campos prioritários para o programa.

O Programa Educação para a Natureza está focado nas seguintes áreas de estudo: disciplina de ciência natural e social relevante à conservação nas Florestas de Inundáveis da Amazônia ou ecorregiões do Sudoeste da Amazônia; espécies terrestres ou marítimas em extinção no Brasil; incidência para pesca inadequada de golfinhos e baleias; educação, política, economia e direito ambientais. “As áreas prioritárias são escolhidas com base nas necessidades evidenciadas pelo WWF e definidas para cada ecorregião onde o programa atua”, explica Camila.

As bolsas de estudo oferecidas pelo Programa EFN poderão ser concedidas para graduação ou pós-graduação em instituições acadêmicas brasileiras ou estrangeiras. Quem for selecionado poderá receber o recurso total ou um apoio parcial. “Não existe um valor máximo estipulado para as bolsas”, enfatiza Camila. Para manter a apoio, os estudantes têm que apresentar dois relatórios técnicos e financeiros durante o período da bolsa, além de comprovantes de desempenho acadêmico.

As datas da seleção dos estudantes e da divulgação dos resultados do processo seletivo ainda não foram definidas. O material para inscrição pode ser solicitado através do telefone (61) 327-7525 ou pelo correio eletrônico efn@iieb.org.br

Toda documentação exigida deve ser enviada por carta para a IIEB até o dia 21 de fevereiro. O endereço do instituto é CLN 202, Bloco B, Sala 105, Brasília (DF). O CEP é: 70.832-525.