PROCURADOR DA REPÚBLICA ACOMPANHARÁ INVESTIGAÇÕES SOBRE ATENTADO A CACIQUE XUCURU

O CDDPH – Conselho de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana, órgão colegiado da Secretaria Especial dos Direitos Humanos, designou o procurador da República Luciano Mariz Maia para acompanhar as investigações sobre o atentado contra o cacique xucuru Marcos Luidson, ocorrido no dia 7 deste mês, no município de Pesqueira (PE). O procurador vai elaborar um relatório conclusivo sobre o caso e encaminhá-lo ao Conselho.

O secretário dos Direitos Humanos, ministro Nilmário Miranda, o presidente da Funai – Fundação Nacional do Índio, Eduardo Almeida, o assessor do Ministério da Justiça, Cláudio Beirão, e a procuradora federal Raquel Dodge estiveram em Pesqueira para acompanhar as investigações. A comitiva oficial tomou os depoimentos do cacique Xukuru e de duas testemunhas do crime.

O cacique foi vítima de uma emboscada na estrada que liga o município de Pesqueira à vila de Cimbres. Dois índios que acompanhavam o cacique foram mortos. Marcos Luidson e seu sobrinho de 12 anos escaparam com ferimentos leves. Os crimes acirraram os conflitos na região. Carros e casas foram incendiados e mais quatro índios foram baleados. A Polícia Federal acompanha o caso.
(Agência Brasil)