Grupo do Projeto Rondon visitará Instituto de Pesquisa na Amazônia

Estudantes universitários selecionados pelo Projeto Rondon farão uma visita ao Inpa – Instituto de Pesquisa na Amazônia, instituição científica vinculada ao ministério da Ciência e Tecnologia. O projeto será relançado quarta-feira (19), em Tabatinga (AM), pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

O Projeto Rondon surgiu em 1967, quando 30 estudantes e professores foram trabalhar em cidades carentes no estado de Rondônia. Oito anos depois, o programa transformou-se na Fundação Projeto Rondon. Até 1989, quando foi interrompido, mais de 350 mil universitários e professores haviam trabalhado em comunidades pobres. A nova edição também pretende levar estudantes para prestar serviços nas áreas de educação, saúde e meio ambiente a regiões mais pobres do país.

Em princípio, treze municípios da região amazônica serão beneficiados com a implantação do projeto, que levará cerca de 200 pessoas, entre universitários e professores, para desenvolver as ações do programa. O grupo deverá visitar também a Embrapa – Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, o Sipam – Sistema de Proteção da Amazônia e o Parque Industrial. (Agência Brasil)