Espaço indígena é inaugurado com Bênção do Fogo Sagrado no FSM

No dia da abertura oficial do V Fórum Social Mundial, povos indígenas inauguraram suas atividades antes do nascer do sol. O ritual de proteção – Bênção do Fogo Sagrado – feito por tribos brasileiras como os Guarani, Kaigang e Xoclen às 6h30 no solário do Parque Marinha do Brasil em Porto Alegre (RS), precedeu a apresentação de indígenas chilenos e a bênção aos participantes.

Os povos indígenas participam do Fórum Social Mundial desde a primeira edição. Agora, pela primeira vez, contam com um espaço próprio e uma programação específica e organizada. Durante os cinco dias do encontro anual, mais de 400 indígenas do continente americano, representando 150 povos, estarão reunidos no espaço chamado “Puxirum de Artes e Saberes Indígenas”.

A palavra indígena “puxirum” tem significado próximo de “mutirão” em português. A proposta dos grupos é apresentar suas culturas e defender valores e prioridades de seus povos, aproximando-se ainda mais da definição de políticas públicas. (Carolina Gonçalves/Radiobrás)