Congresso internacional debate avanços tecnológicos na área mineral

Será realizado entre os dias 20 e 23 deste mês, em Guarapari (ES), o 1º Congresso Internacional de Rochas Ornamentais. O evento é promovido pelo Centro de Tecnologia Mineral (Cetem), unidade de pesquisa do Ministério da Ciência e Tecnologia, em parceria com o Centro Tecnológico de Mármore e Granito, do Espírito Santo.

O congresso vai reunir a comunidade científica e o setor produtivo em debates e palestras sobre as mais recentes pesquisas em geologia e prospecção de depósitos, tecnologias de processamento, preservação do meio ambiente, aproveitamento de resíduos, legislação mineral e ambiental, e mercado internacional. Também estão no foco dos debates o estudo de cadeias produtivas e arranjos produtivos locais na exploração e o processamento e comercialização dessas rochas.

A produção mundial de rochas ornamentais e de revestimento é estimada em 68 milhões de toneladas anuais e vem apresentando um crescimento de cerca de 6,4% ao ano. Atualmente, os maiores produtores são China, Itália, Índia, Espanha, Irã e o Brasil, que produz hoje 6 milhões de toneladas/ano de aproximadamente 600 variedades de rochas.

Este é um setor em expansão, que emprega aproximadamente 114 mil pessoas nas 1.500 lavras em atividade no País e vê aumentar o volume de suas exportações. Os estados do Espírito Santo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Bahia são os maiores exportadores brasileiros desses minerais.

Em paralelo ao 1º Congresso Internacional também será realizado o 2º Simpósio Brasileiro de Rochas Ornamentais, contando com o apoio de diversas instituições ligadas ao setor.

Mais informações sobre os eventos e inscrições estão no endereço:
www.cetem.gov.br/iciro/(Helena Beltrão – Assessoria de Imprensa do MCT )