Greenpeace bloqueia navio carregado com madeira brasileira

Ativistas do Greenpeace e da Associação Nacional de Conservação da Natureza bloquearam nesta terça-feira a entrada do navio Skyman no Porto de Leixões, em Portugal. Escaladores desceram a ponte em rappel numa tentativa de impedir o descarregamento de madeira de empresas envolvidas com a exploração ilegal da madeira na Amazônia.

Portugal é hoje uma das principais portas de entrada da Europa para madeira extraída ilegalmente das últimas florestas primárias do planeta.

Com a ação do Greenpeace, os ambientalistas desafiam o novo governo português a se comprometer publicamente com o plano de ação da União Européia contra madeira ilegal.

O navio Skyman transporta um carregamento de madeira amazônica no valor de mais de US$ 253.760, incluindo madeira de pelo menos quatro empresas multadas no Brasil por envolvimento com ilegalidades.

Uma delas, a Milton Schnorr, foi multada em 2001, 2002 e 2004 por exploração e transporte de madeira ilegal. Em dezembro, o proprietário da empresa foi preso por explorar madeira em terra pública.(Globo.com)