Petrobras quer produzir 855 mil litros de biodiesel por ano até 2011

Até 2011, a Petrobras quer chegar à produção de cerca de 855 milhões de litros de biodiesel por ano. Atualmente, a estatal brasileira investiu US$ 60 milhões no desenvolvimento e implantação de três projetos básicos de processo do diesel vegetal. Tendo como matérias-primas o óleo de algodão, o dendê e a mamona, cultivada por cerca de 70 mil pequenos agricultores familiares a empresa utiliza, ainda, como insumo complementares, o sebo e o óleo de soja.

Dados da companhia indicam que estão sendo gerados na fase de construção das unidades 1.200 empregos diretos e 400 indiretos e o início da operação das unidades está previsto para o 4o trimestre de 2007. Este volume de produção se destina a atender a demanda por biodiesel da Petrobras Distribuidora na região nordestina do país.

Atualmente, a Petrobras desenvolve uma Planta Piloto de processo de biodiesel em Guamaré (RN) utilizando uma tecnologia própria de produção direta a partir de grãos, principalmente a mamona. Utilizando tecnologia convencional, testes com diferentes óleos levarão a unidade a uma capacidade de processar até 42 metros cúbicos por dia (42 mil litros/dia). Atualmente, a empresa analisa, ainda, outros nove projetos de produção de biodiesel no país: dois no Rio Grande do Sul; dois no Paraná, um em Araraquara, no interior paulista. Um no Mato Grosso do Sul, dois no Mato Grosso e um no Amazonas.

Juntos, se aprovados, os projetos resultaram em uma produção de 1,2 milhão de metros cúbicos por ano de biodiesel – o equivalente a 1,2 bilhão de litros do produto.
(Fonte: Nielmar de Oliveira / Agência Brasil)