Polícias Civil e Militar prendem 14 por desrespeito à Lei Ambiental no MA

As Polícias Civil e Militar do Maranhão prenderam neste fim de semana 14 pessoas por desrespeito à Lei Ambiental.

A operação foi batizada de Manzuá. No sábado (21), foram presos os donos dos bares Gaiolão, Ritmo da Ilha e Toca da Seresta, localizados no bairro São Cristóvão, em São Luís.

Segundo o Ministério Público do Maranhão, além da poluição sonora, foram constatadas irregularidades nas instalações dos estabelecimentos, o que compromete a segurança dos clientes. A Procuradoria solicitará a interdição dos bares.

No mesmo bairro, também foram apreendidos dois veículos por desrespeito à Lei Ambiental, sendo os proprietários encaminhados à delegacia.

No domingo (22), na Litorânea, foram presos os donos dos bares Alternativa Beach e Sol Nascente, e os estabelecimentos foram notificados por poluição sonora. Pelo mesmo motivo, foram apreendidos três carros na avenida.

Além dos proprietários dos bares e veículos, foram presos os donos dos equipamentos de som e os responsáveis pelas bandas que se apresentavam nos estabelecimentos, no momento da operação. (Fonte: Folha Online)