Obama critica plano da BP de pagar dividendos a acionistas

O presidente dos EUA, Barack Obama, criticou duramente nesta sexta (4) a petrolífera BP pelos seus planos de pagar dividendos de US$ 10,5 bilhões a acionistas da empresa.

Obama fez o comentário durante sua terceira visita à costa da Louisiana, uma das principais regiões afetadas pelo vazamento de óleo que teve início no golfo do México no dia 20 de abril.

O vazamento está afetando o meio ambiente e causando prejuízos milionários às indústrias pesqueira e turística.

“Pelo que entendo, a BP pagou US$ 50 milhões em propaganda na TV para gerenciar sua imagem durante o período do desastre”, disse Obama. “Além disso, há relatos que a empresa irá pagar US$ 10,5 bilhões – isto é bilhão com “B” – em dividendos neste trimestre.”

“[A BP] tem uma obrigação moral e legal aqui no golfo pelos danos causados”, completou.

Obama disse várias vezes que a BP teria que pagar os custos para conter o vazamento, o pior da história americana. (Fonte: Folha.com)