Cingapura reabre praia após vazamento de óleo

Cingapura reabriu nesta sexta-feira (4) suas praias públicas, afetadas por um vazamento de petróleo após a colisão de um navio-tanque em maio.

A Agência Ambiental Nacional disse em uma nota que as praias, localizadas próximas ao aeroporto de Changi, passaram testes de segurança de água após uma operação de limpeza.

As praias, popular entre os locais, expatriados e turistas, foram fechadas após a colisão entre o navio MT Bunga Kelana 3 (da Malásia) e o navio MV Waily (das ilhas São Vicente e Granadinas).

O MT Bunga carregava 62 mil toneladas de óleo cru e funcionários do porto disseram que cerca de 2.500 toneladas vazaram por uma fresta em um dos cascos do navio.

Cingapura é uma pequena república localizada em uma ilha. É conhecida por sua rígida legislação ambiental.

O tráfego pesado próximo a suas costas, contudo, torna a ilha vulnerável a esse tipo de acidentes. (Fonte: Folha.com)