Ibama apreende animais em feira livre no Piauí

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) do Piauí apreendeu mais de 200 animais silvestres que seriam comercializados ilegalmente. Eles foram encontrados em uma feira livra e em três residências de Parnaíba.

A maioria dos bichos estava em condições precárias. Algumas gaiolas pequenas tinham até oito pássaros. Muitos não resistiram ao percurso até Teresina. Para evitar mais mortes, rapidamente eles foram alimentados e separados por espécies, em viveiros maiores, no Ibama da capital do estado.

Durante a operação, seis pessoas foram autuadas e multadas e dois homens foram presos, em flagrante, suspeitos de envolvimento em tráfico de animais silvestres.

Em menos de 15 dias, o Ibama fez duas grandes apreensões no Piauí. A quantidade de animais no centro de triagem é tão grande que não há mais espaço. “Eles chegaram debilitados, com fome, com sede, muito mal acomodados. Depois que a gente recuperar esses animais, veremos os que podem ser soltos na natureza”, disse o veterinário José Lacerda Luz.

No total, o Ibama aplicou R$ 133 mil em multas. (Fonte: G1)