Pressão solar consegue alterar inclinação de sonda espacial japonesa

A sonda espacial japonesa Ikaros usou uma tecnologia de “vidros inteligentes” que usam a energia da pressão solar para mudar de direção. É a primeira vez que velas solares são usadas no espaço dessa maneira.

A Ikaros foi lançada em maio e, pouco depois, tornou-se a primeira sonda espacial a ser movida somente pela energia solar. Agora aparelhos de cristal líquido ao longo da borda das velas foram usadas para mudar a direção da nave.

Os aparelhos controlam a refletividade das seções externas da vela; ao ligar uma delas, cria-se um efeito espelho, permitindo que a luz do sol empurre mais partes da vela.

“Com isso, podemos controlar tanto a órbita quanto a inclinação usando apenas luz solar”, diz Yuichi Tsuda, da Jaxa (agência espacial japonesa).

Apesar disso, a nova tecnologia pode não desencadear uma corrida pela tecnologia. Comparada a propulsores tradicionais, que ainda são os principais métodos de manobra em espaçonaves, o efeito dos aparelhos refletores é pequeno. A vela só consegue mudar a inclinação da nave cerca de 1 grau por dia, diz Tsuda. (Fonte: Folha.com)