Lei antifumo de Curitiba completa um ano

A lei antifumo de Curitiba (PR) entrou em vigor em 19 de novembro de 2009. Depois de um ano, a prefeitura informa que foram feitas 94 autuações. O número é considerado baixo. Para a administração municipal, “isso significa que, de todos os bares, restaurantes, lanchonetes, casas noturnas, shopping centers e supermercados vistoriados, entre outros estabelecimentos, apenas 0,45% descumpriram a lei”.

De acordo com a legislação, é proibido fumar em todos os ambientes fechados e de uso coletivo na capital paranaense. Além disso, esses locais não devem ter cinzeiros e devem ostentar cartazes e adesivos com as regras.

Para marcar o primeiro “aniversário” da lei, o Centro de Saúde de Secretaria Municipal da Saúde vai realizar, a partir desta quarta-feira (17), inspeções e distribuição de folhetos em terminais de ônibus, bares e casas noturnas. A secretária municipal de Saúde, Eliane Chomatas, diz que o objetivo é reforçar as informações sobre os benefícios da nova lei.

Cinco terminais devem ser visitados entre esta quarta e sexta-feira (19). As ações aconteceram durante a manhã, quando é maior o movimento de passageiros. Na sexta à noite, as ações educativas devem acontecer em bares, restaurantes e casas noturnas.

Campanha – A Secretaria da Saúde também lançou uma campanha para prevenir o hábito de fumar entre os jovens. Em agosto, teve início a Estratégia de Mobilização da Comunidade Escolar Contra o Tabagismo, que contou com 56,5 mil estudantes e educadores de 72 escolas públicas.

Durante cerca de três meses, foram divulgados os males do tabagismo e as vantagens de não fumar.

Nesta sexta, deve ocorrer um encontro de dirigentes, educadores e representantes de centros acadêmicos de 20 instituições de ensino superior de Curitiba para discutir maneiras de evitar o tabagismo. O evento será realizado no auditório do Sesc da Esquina. (Fonte: G1)