Mais de cem anos depois: redescoberto inseto identificado por Darwin

Pode-se considerar que a descoberta da espécie de escaravelho Escarabajo Darwinilus sedarisi foi a última grande contribuição de Charles Darwin para a biologia moderna, segundo informações do jornal El País.

O escaravelho foi identificado pela primeira vez pelo cientista em 1832, em Bahía Blanca, Argentina, e havia sido considerado como perdido. Mas, em 2008, o naturalista Stylianos Chatzimanolis, da Universidade de Tennesse, recebeu alguns exemplares de espécies para serem identificadas e, para sua grande surpresa, encontrou um modelo do inseto que poderia ser aquele identificado por Darwin no século XIX.

Esta semana, mais de duzentos anos depois do nascimento de Darwin, foi publicada a confirmação de que se trata da espécie vista pelo cientista – e ela finalmente recebeu o nome científico de Darwinilus Sedaris (o último nome em homenagem ao escritor e jornalista americano, David Sedaris).

Há apenas outros dois exemplares deste escaravelho em todo o mundo, que foram capturadas antes de 1935, e fazem parte do legado que Darwin doou para o Museu de Ciências Naturais em Londres. Pela última data de recuperação da espécie, os cientistas acreditam que o escaravelho pode ter sido extinto. (Fonte: Terra)

Email this page
Esta entrada foi escrita emClipping e tags
  • forum
  • imprimir
  • word
  • pdf
  • rss
  • twitter
  • facebook
  • digg
  • myspace
  • stumbleupon
  • aim
  • blinklist
  • blogger
  • blogmarks
  • buzz
  • connotea
  • delicious
  • diigo
  • fark
  • friendfeed
  • furl
  • google
  • linkedin
  • live
  • livejournal
  • magnolia
  • mixx
  • netvibes
  • netvouz
  • newsvine
  • propeller
  • reddit
  • slashdot
  • technorati
  • yahoo
  • forum
  • imprimir
  • word
  • pdf
  • rss
  • orkut
Ambientebrasil - Notícias located at 511/67 Huynh Van Banh , Ho Chi Minh, VN . Reviewed by 43 customers rated: 4 / 5