Capturado para almoço, caranguejo gigante é resgatado por ativista no Rio

Um caranguejo da espécie guaiamu foi salvo nesta quinta-feira (17) pelo presidente da ONG SOS Aves e Companhia, Paulo Maia, no momento em que moradores de rua se preparavam para colocá-lo na panela e cozinhá-lo. O crustáceo será devolvido à Lagoa Rodrigo de Freitas, na zona sul do Rio de Janeiro, onde foi capturado.

Em entrevista à rádio “CBN”, Maia afirmou que os moradores de rua já estavam, inclusive, com o fogo aceso e a panela pronta para receber o animal. Ele teve que ir pessoalmente ao viaduto do Corte do Cantagalo, em Copacabana, na zona sul, onde o grupo se encontrava abrigado, para convencê-los a não fazer o caranguejo de almoço.

Apelidado de Tarcisão, em referência ao ator Tarcísio Meira, o crustáceo chama atenção pelo tamanho. Sua espécie possui, em média, carapaças de dez centímetros ou mais.

Ainda de acordo com Maia, Tarcisão passou por exames em uma clínica em Copacabana, e nenhuma lesão foi constatada. Ele e outros caranguejos são monitorados pela equipe da ONG SOS Aves e Companhia em seu habitat, às margens da Lagoa. (Fonte: UOL)