Sessenta por cento dos japoneses são favoráveis à caça de baleias

Sessenta por cento dos japoneses defendem que o Japão mantenha a caça de baleias, 23% são contrários e 17% não têm opinião formada a respeito, segundo uma consulta publicada na edição desta terça-feira do jornal Ashi Shimbun.

A pesquisa foi feita em 19 e 20 de abril, depois que a Corte Internacional de Justiça (CIJ) proibiu o Japão de caçar baleias na Antártica.

O governo japonês informou que acataria a decisão e suspenderia seu programa de caça, mas que iria elaborar um novo compatível com a regulamentação internacional que autoriza excepcionalmente capturas de baleias com fins científicos e não comerciais.

O Japão reafirmou, ainda, que vai continuar com a caça de baleias no Pacífico noroeste.

Segundo a consulta, 60% dos entrevistados apoiam a decisão do governo de prosseguir com esta atividade “tradicional”.

O apoio é majoritário inclusive entre as pessoas que não comem carne de baleia.

A pesquisa indica que apenas 14% das pessoas entrevistadas afirmaram comer com frequência a carne do cetáceo, enquanto 48% disseram que não comiam havia muito tempo e 37% indicaram que nunca tinham provado. (Fonte: Terra)