Estudo afirma que cérebro continua processando estímulos durante sono

O cérebro continua a processar estímulos durante o sono, essencialmente palavras e vozes, segundo revela um estudo do cientista francês Sid Kouider sobre a atividade cerebral, informou Centro Nacional de Pesquisa Científica da França (CRNS).

O trabalho realizado por Kouider e sua equipe do Laboratório de Ciências Cognitivas e Psicolinguísticas consistiu em treinar um grupo de voluntários para que, de maneira automática, levantassem a mão direita ou esquerda quando escutassem uma palavra que se referia a um animal ou a um objeto.

O exercício continuou enquanto os participantes do teste iam adormecendo, sem deixar a tarefa de classificação e ao mesmo tempo em que os cientistas acompanhavam o experimento com imagens da atividade cerebral.

Uma vez que os pacientes estavam em estado de sono profundo e inconscientes, o cientista francês observou como as mesmas partes do cérebro continuavam ativas em comparação com quando eles estavam acordados.

“O cérebro é, portanto, capaz de perceber os sons de seu ambiente, extrair o significado das palavras e decidir que ação realizar: movimentar a mão direita ou a mão esquerda”, resumiu o CNRS sobre o estudo, publicado na revista científica “Current Biology”.

A descoberta de Kouider e sua equipe contribuirá para determinar a melhor maneira de aproveitar nosso tempo de descanso, sem importar os processos automáticos nos quais esteja imerso nosso cérebro, segundo o CNRS. (Fonte: G1)