Centro de Vitória/ES ganha faixa para ‘bikes’ no Dia Mundial Sem Carro

Quem tem bicicleta e sempre precisa passar pelo Centro de Vitória para trabalhar ou passear, tem um motivo a mais para aderir à campanha “Dia Mundial sem Carro”. Nesta segunda-feira (22), para celebrar a data, o estacionamento das Docas, próximo à Codesa, vai se transformar em ciclofaixa. Segundo a Prefeitura de Vitória, o espaço exclusivo para bicicletas vai funcionar nesse trecho durante todo o dia.

O secretário municipal de Transportes, José Eduardo Oliveira, disse que a intenção é tornar essa ciclofaixa no Centro, que hoje é usada apenas aos domingos e feriados, permanente. “A Setran deve concluir o projeto nas próximas semanas e implantar uma ciclofaixa definitiva nesse trecho até o final de outubro”, afirmou o secretário.

Oliveira argumentou que a intenção da prefeitura é otimizar espaços públicos de acordo com a demanda da população. “Hoje, esse trecho no Centro é utilizado por algumas pessoas como estacionamento. Com a sua substituição por uma ciclofaixa, um número muito maior de cidadãos utilizará o espaço, já que por dia, são feitas mais de 22 mil viagens de bicicleta em Vitória, a maioria por pessoas que estão trabalhando ou estudando na cidade”, explicou.

O gerente de Concessões e Tarifas da Setran, Fernando Gomes Barbosa, de 36 anos, que faz esse percurso todos os dias de bicicleta para trabalhar – ele mora em Cobilândia, Vila Velha -, comemorou a notícia. “É muito bom ver a cidade de Vitória mudando para acolher os ciclistas. Melhorar a segurança de quem pedala vai estimular mais pessoas a andar de bicicleta”, declarou.

Estacionamento – O secretário lembrou ainda que o Centro vai receber o estacionamento rotativo, o que permitirá à região ter sempre vagas disponíveis para quem precisar estacionar nessa área. “Esperamos triplicar a oferta de vagas de estacionamento no Centro apenas implantando o rotativo na região, uma vez que uma vaga, antes ocupada por apenas um carro durante todo o dia, poderá receber até três veículos no mesmo dia”, declarou. (Fonte: G1)