Chuvas fazem reservatório de Furnas subir 27 centímetros no Sul de MG

Com as chuvas dos últimos dias, o nível do reservatório de Furnas subiu 27 centímetros no Sul de Minas e a melhora na paisagem já traz esperança para quem vive às margens do lago e depende do turismo para sobreviver. Segundo o Instituto Somar Meteorologia, até o dia 26 de dezembro choveu 214,74 milímetros. Somente entre os dias 21 e 26, o volume de chuvas registrado foi de 57,2 milímetros, apesar disso, o lago ainda está mais de 14 metros abaixo do nível normal, com apenas 12,98% do volume útil, mas já alegra comerciantes.

Um exemplo é o empresário Fabrício Malfacini. “Ainda é impossível navegar, o baixo nível da represa atrapalhou os negócios da família neste ano e trouxe uma queda de 70% no movimento”, disse.

A família de Adelson Mendonça, de Santo André (SP) veio à região para as festas de fim de ano, mas não conseguiu fazer muita coisa. “Ficamos surpresos com a situação da represa. Até mesmo nossa pescaria foi prejudicada”, comentou.

Em Fama (MG), a situação já melhorou e um reservatório que estava vazio já pode ser visto encoberto pela água. “O pior já passou, agora percebemos uma melhora constante e estamos confiantes de que em breve teremos nosso ganha pão de volta, queremos que o mar de Minas esteja sempre cheio”, completou Malfacini. (Fonte: G1)