Nem beagle, nem bassê hound: a Colômbia tem seu próprio sabujo

Nem beagle inglês, nem bassê hound francês: a Colômbia agora tem seu próprio cão de caça, o “sabujo fino”, o primeiro exemplar de raça canina criolla identificado por pesquisadores da Universidade Nacional (UN).

“Um cachorro de porte médio, bom olfato, pelo curto, olhos amendoados e orelhas longas foi achado pelo Grupo de Estudo de Genética Animal da UN depois de percorrer vários cantos do país”, indica o centro de ensino estatal.

Pesquisa, que partiu de análises estatísticas sobre as medidas da cabeça, focinho, orelha, formato dos olhos, tipo de mordida e cores destes animais mostrou que “o cão de caça tradicional camponês era o mesmo em toda a Colômbia”.

Segundo os especialistas, esta raça é utilizada principalmente para caçar animais de pelo, como pacas, e roedores de montanha conhecidos na Colômbia como “tinajos”.

“Os camponeses os selecionaram ao longo dos anos por suas habilidades para esta tarefa”, acrescenta o texto.

Além disso, o sabujo colombiano tem uma personalidade específica. “É dedicado ao dono, gostam de receber carinho e é muito tranquilo”, afirmou Jonathan Álvarez, estudante de Medicina Veterinária e Zootecnia da UN. (Fonte: Terra)