Derretimento de geleiras desacelera rotação da Terra, alertam cientistas

O derretimento de geleiras causado pelo aumento das temperaturas parece estar resultando uma leve desaceleração na rotação da Terra, em mais um sinal da abrangência do impacto das mudanças climáticas globais, disseram cientistas nesta sexta-feira (11).

A força por trás das pequenas, mas discerníveis, mudanças na rotação da Terra medida por satélites e métodos astronômicos é o aumento do nível do mar no mundo, alimentado pelo fluxo de água derretida das geleiras para os oceanos, afirmaram pesquisadores.

“Uma vez que os glaciares estão em altas latitudes, quando eles derretem, eles redistribuem a água dessas altas latitudes para latitudes mais baixas, e, como um patinador que move os seus braços para longe do seu corpo, isso age para reduzir o índice de rotação da Terra”, declarou o geofísico da Universidade de Harvard, Jerry Mitrovica.

O movimento do gelo e da água derretida também causa uma leve migração do eixo da Terra, ou polo norte, num fenômeno conhecido como “deslocamento polar”, disseram os pesquisadores.

“Imagine um patinador que não estica os seus braços direto, e sim estica um num ângulo, e outro em outro ângulo. O patinador vai começar a balançar para frente e para trás. Isso é a mesma coisa que o movimento polar”, afirmou Mitrovica.

A pesquisa investigou as mudanças na rotação e no eixo do planeta com o aumento do nível do mar no século 20 como resultado do aumento das temperaturas globais. (Fonte: UOL)

Esta entrada foi escrita emClipping e tags ,
Ambientebrasil - Notícias located at 511/67 Huynh Van Banh , Ho Chi Minh, VN . Reviewed by 43 customers rated: 4 / 5