Pontos turísticos fluminenses ganham selo internacional de preservação ambiental

Dois cartões postais do município fluminense de Rio das Ostras, na Região dos Lagos, que são a Lagoa de Iriri e a Praia do Remanso, receberam no domingo (13), oficialmente, a Bandeira Azul, que foi hasteada nos locais. A certificação de qualidade socioambiental é concedida anualmente pela organização não governamental internacional Fundação para a Educação Ambiental (FEE, do nome em inglês Foundation for Environmental Education).

A Bandeira Azul é atribuída anualmente pela FEE a praias marítimas e fluviais e marinas que cumpram requisitos de qualidade ambiental, segurança, bem-estar, infraestrutura de apoio e sensibilização ambiental, informou a assessoria de imprensa da prefeitura de Rio das Ostras.

A Lagoa de Iriri, também conhecida como Lagoa da Coca-Cola, por causa da cor escura de suas águas, é a segunda lagoa brasileira certificada. A primeira foi a Lagoa do Peri, em Florianópolis. Do ponto de vista do meio ambiente e do turismo, a certificação ajudará a manter os padrões de balneabilidade, conforto e segurança da praia e da lagoa, além de incluir o município no roteiro de turistas que preferem visitar locais certificados, disse a secretária de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Rio das Ostras, Carla Ennes. “A certificação vai colocar Rio das Ostras na rota desse turista específico”, afirmou.

Embora estrangeiros não sejam a maioria dos que visitam Rio das Ostras, Carla disse que a Bandeira Azul dará visibilidade ao município sobretudo, em 2016, quando o país e o estado do Rio de Janeiro, em especial, estarão recebendo pessoas do mundo inteiro para os Jogos Olímpicos, que ocorrerão na capital fluminense.

De acordo com a secretária, em razão das ações de conservação desenvolvidas pela prefeitura, Rio das Ostras foi convidada a participar do processo de certificação pela FEE. Para Carla, o selo, além de contribuir para aumentar o turismo, garante a continuidade de ações da administração pela qualidade das praias e da lagoa do município. “É bom para o morador e para o visitante.”

A certificação valerá durante um ano. No ano que vem, o município pretende se candidatar novamente à seleção da Fundação para a Educação Ambiental. “Se o nosso trabalho for bem feito, manteremos a Bandeira Azul”, disse Carla. Internamente, para a própria população, a obtenção do selo é importante, porque estimula a manutenção da qualidade socioambiental da Lagoa do Iriri e das praias.

O superintendente regional de Macaé e Rio das Ostras do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), Nestor Prado Júnior, destacou, na solenidade, a importância da preservação dos recursos hídricos para o país, motivo que gerou a escolha da Praia do Remanso e da Lagoa de Iriri pela fundação. A Bandeira Azul foi entregue ao município pela coordenadora nacional do Programa Bandeira Azul no Brasil, Leana Bernardes.

A Praia do Remanso é uma praia de enseada formada por rochedos. A Lagoa de Iriri está situada dentro de uma unidade de conservação e é conhecida pela cor escura de sua água, devido à vegetação ali existente. (Fonte: Agência Brasil)

Esta entrada foi escrita emClipping e tags ,
Ambientebrasil - Notícias located at 511/67 Huynh Van Banh , Ho Chi Minh, VN . Reviewed by 43 customers rated: 4 / 5