RJ registra 121 casos de microcefalia em 2015, diz Ministério da Saúde

O estado do Rio de Janeiro registrou 121 casos de microcefalia no ano passado, de acordo com dados do Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (Sinasc) e do Relatório de Emergência em Saúde Pública (Resp), do Ministério da Saúde. Em 2014, haviam sido registrados 10 casos da má formação, de acordo com o Sinasc.

Dos 121 casos, 102 são de bebês que já nasceram e 19 ainda estão em período de gestação. Do total de casos de microcefalia, 43 mulheres chegaram a relatar histórico de manchas vermelhas espalhadas pelo corpo. O protocolo do Ministério da Saúde considera a microcefalia em bebês com perímetro cefálico menor ou igual a 32 centímetros.

Desde 18 de novembro de 2015, quando se tornou obrigatório no Estado do Rio de Janeiro a notificação de gestantes com manchas vermelhas na pele, foram noticiados 1.503 casos de grávidas com o problema. Destas, 17 tiveram a confirmação de Zika vírus, mas não há confirmação se os fetos apresentam microcefalia.

A partir de junho do ano passado, quando se tornou obrigatória a notificação de casos de síndromes neurológicas com histórico de manchas vermelhas no RJ, foram noticiados 11 casos de Guillain-Barré no estado, sendo que cinco deles possuem referências às manchas, quatro estão sob investigação e dois casos foram descartados. (Fonte: G1)

Esta entrada foi escrita emClipping e tags ,
Ambientebrasil - Notícias located at 511/67 Huynh Van Banh , Ho Chi Minh, VN . Reviewed by 43 customers rated: 4 / 5