Chuva do El Niño alivia seca na Califórnia/EUA

Se de um lado o El Niño – fenômeno que causa o aquecimento das águas no Oceano Pacífico e provoca furacões e tempestades – causou inundações e destruição no Sul, Sudeste e Centro-Oeste dos Estados Unidos, por outro a chuva intensa beneficiou a Califórnia, na Costa Leste do país, região que enfrenta escassez de água nos último anos.

Apesar de algumas inundações e deslizamentos provocados pela forte chuva dos últimos dias, a água acumulada trouxe um pouco de alívio à região, que enfrenta tempestades há três dias.

Segundo o Serviço de Meteorologia dos Estados Unidos, rajadas de vento atingem quase 100 quilômetros, provocam ondas de cerca de 4 metros de altura e aumentam os riscos de deslizamento e queda de árvores em Los Angeles e Ventura.

Mais de 11 milhões de pessoas vivem na área afetada pela chuva. Não há vítimas registradas, mas pelo menos 44 mil pessoas ficaram desalojadas e estão acolhidas em abrigos temporários porque muitas casas em áreas de risco foram desocupadas. Os serviços de urgência estão numa corrida contra o relógio para dar refúgio seguro aos desalojados.

A chuva, no entanto, não é suficiente para aliviar completamente a seca. O presidente da Câmara dos Deputados de Los Angeles, Eric Garcetti, disse, em entrevista às emissoras locais, que seriam necessários quatro anos de chuva intensa, como as registradas nos últimos três dias, para recuperar a reserva de água. (Fonte: Agência Brasil)

Esta entrada foi escrita emClipping e tags , ,
Ambientebrasil - Notícias located at 511/67 Huynh Van Banh , Ho Chi Minh, VN . Reviewed by 43 customers rated: 4 / 5