Morre Edgar Mitchell, astronauta americano que caminhou na Lua

O astronauta Edgar Mitchell, um dos poucos sortudos a pisar na lua onde chegou como parte da Apollo 14 em 1971, morreu aos 85 anos.

Mitchell morreu na noite de quinta-feira (5) em um hospital de West Palm Beach, Flórida (sudeste dos Estados Unidos), depois de uma curta doença, disse sua família ao “Palm Beach Post”.

Nascido no Texas em 17 de setembro de 1930, Mitchell foi o sexto astronauta da Nasa a pisar o solo lunar, de um grupo de uma dúzia que conseguiu essa façanha.

Cinco anos após começar a trabalhar na agência espacial dos Estados Unidos, em 31 de Janeiro de 1971, Mitchell decolou do Centro Espacial Kennedy em Cabo Canaveral, na Flórida, na missão Apollo 14, com Alan Shepard Jr. e Stuart Roosa, de acordo com a biografia da Nasa.

Mitchell foi encarregado de pilotar o módulo lunar Antares, que pousou na região da cratera Fra Mauro. Lá, os astronautas realizaram um grande número de experimentos científicos e recolheram mais de 40 quilos de rochas lunares para trazer de volta à Terra.

A missão foi concluída com êxito em 9 de fevereiro de 1971, quando os astronautas pousaram no Oceano Pacífico.

Mitchell, que teve um total de 216 horas e 42 minutos no espaço, era o único astronauta dessa missão que ainda vivia. Roose Shepard morreu em 1994 e em 1998.

Em 1972, Mitchell se aposentou da Nasa, mas manteve uma vida ativa desde então.

Nunca fugiu da polêmica, como quando em 1973 fundou o Instituto de Ciências Noéticas, dedicado a fenômenos não-convencionais – e até mesmo disse que acreditava em Ovnis, embora afirmasse que nunca tinha visto um.

Foi autor de vários livros, incluindo “Psychic Exploration: A Challenge for Science”, de 1974.

O astronauta deixou duas filhas, três filhos adotivos e nove netos. (Fonte: G1)

Esta entrada foi escrita emClipping e tags
Ambientebrasil - Notícias located at 511/67 Huynh Van Banh , Ho Chi Minh, VN . Reviewed by 43 customers rated: 4 / 5