Astronauta Scott Kelly anuncia que deixará a Nasa

O astronauta Scott Kelly, primeiro americano a passar um ano no espaço, anunciou nesta sexta-fera (11) que deixará a agência espacial americana NASA após 20 anos de carreira e quatro missões.

“Este ano no espaço foi um enorme desafio para todos os envolvidos, e me deu uma perspectiva única e tempo para refletir sobre o que deve ser meu próximo passo em nossa missão para melhorar as nossas capacidades no espaço e na Terra”, disse o astronauta num comunicado.

O anúncio de aposentadoria vem dez dias após seu retorno a Terra com seu colega russo Mikhail Kornienko, depois de 340 dias na Estação Espacial Internacional (ISS), como parte de uma missão para testar a resistência humana e determinar se seria seguro enviar pessoas a Marte. Ele continuará colaborando com o projeto.

Efeitos – Uma semana após voltar à Terra, Kelly disse que sentia fortes dores pelo corpo – sentia tanta dor nos músculos e articulações que mal consegue dizer onde dói. “Estou surpreendido pela diferença entre como me sinto agora, fisicamente, em comparação com a primeiro missão em que estive”, disse em entrevista poucos dias após voltar à Terra.

“Desta vez, assim que saí da cápsula (no Cazaquistão) me senti melhor do que na primeira vez”, disse. Mas, após uma pausa, contou que em algum momento começou a sentir um nível de dor muscular “muito maior do que da outra vez”.

E algo que não havia ocorrido antes: ele sentiu hipersensibilidade na pele. Segundo Scott, isso ocorre porque a pele não encostou em nada significativo por muito tempo. “É um sensação de ardência sempre que sento, deito ou ando”, contou.

Mas, como destacou a britânica BBC, o que tornou a viagem de Kelly particularmente interessante não são apenas os 340 dias que ele passou na ISS ou as 5.440 voltas que deu ao redor de nosso planeta, mas o fato de seu irmão gêmeo, Mark Kelly, ter ficado na Terra para que fosse estudado o impacto psicológico e fisiológico de uma viagem longa no espaço sobre o corpo humano.

Uma das primeiras mudanças visíveis foi que havia superado seu irmão em altura – tinha 3,81 cm a mais que ele. “A gravidade se encarregou de colocá-lo no lugar dele”, brincou. (Fonte: G1)

Esta entrada foi escrita emClipping e tags
Ambientebrasil - Notícias located at 511/67 Huynh Van Banh , Ho Chi Minh, VN . Reviewed by 43 customers rated: 4 / 5