São Paulo registra o quinto janeiro mais chuvoso em 74 anos, diz Inmet

Com o volume de chuvas registrado na cidade de São Paulo, o mês de janeiro já é considerado o quinto mais chuvoso dos últimos 74 anos, de acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). A precipitação foi 424,2 milímetros (mm) nos primeiros 23 dias do mês. O último recorde para janeiro foi observado em 2011, quando choveu 493,7 mm.

Segundo Ernesto Alvim, meteorologista do Inmet, as fortes chuvas são provocadas pela zona de convergência do Atlântico Sul sobre São Paulo, que carrega a umidade trazida da Amazônia. A previsão para os próximos dias, portanto, é mais chuvas.

Segundo a Defesa Civil, três municípios paulistas estão em estado de alerta para as consequências da chuva: Francisco Morato, São Sebastião e Bom Jesus dos Perdões.

Mortos e desaparecidos – Na cidade de Atibaia, um morador de rua foi levado pela enxurrada, próximo a um córrego, no último sábado (21) e continua desaparecido. De acordo com a Defesa Civil do município, o nível do rio Atibaia, que transbordou na semana passada, atingiu ontem 3,93 metros e tem reduzido seu volume com a diminuição das chuvas nas últimas 48 horas.

Na manhã de terça-feira (24), 14 famílias que vivem em área de risco utilizam o abrigo montado pela Prefeitura. No total, mais de 70 famílias tiveram suas casas invadidas pela água.

Além do caso de desaparecimento, a Defesa Civil contabiliza, no estado, oito mortes em decorrência das chuvas desde dezembro do ano passado. Na sexta-feira (20), uma pessoa morreu afogada presa embaixo de um carro no bairro de Perdizes, zona oeste.

No domingo (15), uma mulher morreu afogada após seu carro ser arrastado pela enchente e cair no córrego em Guarulhos. (Fonte: Agência Brasil)

Esta entrada foi escrita emClipping e tags
Ambientebrasil - Notícias located at 511/67 Huynh Van Banh , Ho Chi Minh, VN . Reviewed by 43 customers rated: 4 / 5