Produtores de banana estão em alerta contra fungo que mata plantações

A raça 4 do fungo fusarium, que ainda não existe no Brasil, preocupa os produtores de banana. Os produtores estão em alerta porque a doença não tem cura.

O Vale do Ribeira é responsável por 80% da produção de banana no estado de São Paulo.

Os produtores de banana do Vale do Ribeira e de todo o Brasil, já convivem desde a década de 1950 com as raças1, 2 e 3 do fungo fusarium, que provoca a doença conhecida com Mal do Panamá. O fungo entra pela raiz, vai para o caule, deixa as folhas amareladas e murchas e mata a planta.

A doença surgiu no sudeste asiático e também já atinge lavouras na Oceania e na África.

O agrônomo Wilson Moraes, da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios, diz que apesar de não haver nenhum caso nas Américas, a preocupação é grande.

“A Fao (Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura) emitiu um alerta internacional para todas as áreas de produção de banana no mundo para que tomem cuidado com essa raça”.

O Ministério da Agricultura incluiu a raça 4 na lista das pragas quarentenárias, assim o governo tem por obrigação fiscalizar melhor portos e aeroportos para impedir a entrada de mudas e solo contaminado. Uma campanha nacional vai pedir para que os viajantes que forem para as áreas atingidas, não tragam material vegetal.

A Embrapa já desenvolveu um kit para a identificação rápida da raça 4 tropical.

Esta entrada foi escrita emClipping e tags