Inundações em Bangladesh já afetam 4,5 milhões de pessoas e deixam 56 mortos

As inundações provocadas pelas fortes chuvas que caem em Bangladesh há uma semana mataram 56 pessoas, atingiram 4,5 milhões e não para de crescer o número de regiões afetadas pelos temporais. A informação é da Agência EFE.

“Desde 12 de agosto, 56 pessoas morreram em 23 distritos e outras 15 estão desaparecidas”, afirmou nesta quinta-feira (17) à Agência EFE a porta-voz do Departamento de Gestão de Desastres de Bangladesh (DDM), Naznin Shamima.

Segundo a porta-voz, as inundações já atingem 26 dos 64 distritos do país e 470 mil pessoas tiveram que ser levadas para um dos 915 abrigos. O número de desabrigados deve aumentar nas próximas horas.

O diretor de operações de assistência do DDM, Iftekharul Islam, disse à EFE que a possibilidade de uma crise humanitária está descartada, já que todas as medidas pertinentes foram tomadas com antecedência.

“Todos os dias distribuímos ajuda, conforme a demanda de cada distrito. Hoje, por exemplo, foram 850 toneladas de arroz”, disse.

Esta é a segunda vez que temporais afetam Bangladesh desde meados de junho, provocando inundações nas quais morreram, até o momento, 107 pessoas, a maioria por afogamento, de acordo com o Centro Nacional de Gestão de Crises Sanitárias. Situado no gigantesco delta do Ganges, com pouca elevação com relação ao nível do mar e com um quinto do território permeado por rios e afluentes, Bangladesh acostuma ser, anualmente, palco de inundações no período de chuvas. (Fonte: Agência Brasil)

Esta entrada foi escrita emClipping e tags ,