Meteorologista diz que 30% do condado onde fica Houston/EUA está embaixo d’água

Ao menos 30% do condado texano de Harris, onde fica a cidade de Houston, a quarta maior dos EUA, está debaixo d’água por causa das chuvas provocadas pela tempestade tropical Harvey. A informação é do meteorologista Jeff Lindner, do departamento de controle de inundação do condado, e foi divulgada nesta terça (29) pelo “Washington Post”.

Isso representa uma área de 1.777 milhas quadradas, ou mais de 4.600 quilômetros quadrados, o equivalente às cidades de Nova York e Chicago inteiras.

Não existe, porém, um número oficial sobre a extensão da área afetada, e mesmo o número de mortos não é consenso. Até o momento, autoridades do Texas confirmaram 11 mortes: sete pessoas no condado de Harris – entre eles um policial que se afogou enquanto tentava chegar ao trabalho -, uma mulher em Porter (atingida por uma árvore que caiu sobre sua casa), um homem afogado no condado de Montgomery, uma morte em Rockport e uma em La Marque. A imprensa dos EUA cita números diversos, que podem chegar a até 16.

O chefe de polícia de Houston, Art Acevedo, diz que mais de 3.500 pessoas já foram resgatadas na cidade desde o início das enchentes, mas o prefeito Sylvester Turner diz que ainda é impossível saber quantas pessoas estão desaparecidas.

Nesta terça, a promotora do condado de Harris, Kim K. Ogg, emitiu um comunicado informando que 14 pessoas já foram presas por saques nas últimas 48 horas, e que, de acordo com uma lei estadual, receberão sentenças mais severas por cometer o crime em uma área afetada por um desastre.

Trump visita – Também nesta terça o presidente Donald Trump chegou ao Texas, acompanhado da primeira-dama, Melania, para visitar alguns dos locais afetados pelas enchentes. Houston não foi incluída em sua agenda porque isso poderia afetar as atividades de assistência.

Pela manhã ele desembarcou em Corpus Christi, cidade de 320 mil habitantes que na sexta-feira recebeu o primeiro impacto do Harvey, que tocou o solo com ventos de 215 km/h, ainda como um furacão de categoria 4 na escala de intensidade Saffir-Simpson, que tem no máximo cinco níveis.

Ali ele e Melania se reuniram com o governador Gregg Abbott, líderes locais e algumas das organizações que estiveram ajudando nos trabalhos de resgate e reconstrução. Em seguida o presidente visitou Austin.

Trump prometeu uma resposta completa do governo ao primeiro desastre natural do país desde que assumiu a presidência. “Nós estamos muito orgulhosos de vocês. Muito obrigado por tudo o que estão fazendo”, disse Trump, após receber detalhes sobre a operação.

Dique rompido – As autoridades de Brazoria, ao sul de Houston, emitiram nesta terça um mandado de evacuação urgente após as inundações causadas pelo Harvey provocarem o rompimento de um dique.

“O rio Brazos transbordou, e toda aquela água está descendo dos afluentes até o rio”, informou à CNN uma fonte do governo do condado. “Todas as estradas ao redor estão inundadas. Não temos rotas de evacuação para as pessoas tomarem”.

O condado de Brazoria fica entre o Golfo do México e Houston, onde se concentrou a maior parte da devastação provocada por Harvey.

Os reservatórios de Houston, que contiveram fortes chuvas de Harvey, estão começando a transbordar, forçando as autoridades a liberarem mais água no sistema de drenagem já inchado da cidade para aliviar a pressão de dois diques, disseram autoridades do condado de Harris.

As autoridades do condado estão monitorando seis bairros ao redor dos reservatórios e encorajaram moradores dessas áreas a deixarem a área antes que o nível das águas suba. (Fonte: G1)

Esta entrada foi escrita emClipping e tags , ,
Ambientebrasil - Notícias located at 511/67 Huynh Van Banh , Ho Chi Minh, VN . Reviewed by 43 customers rated: 4 / 5