EUA testam sistema de energia nuclear para sustentar astronautas em Marte

Testes iniciais em Nevada, nos Estados Unidos, num sistema de energia nuclear compacto desenhado para sustentar uma missão humana de longa duração da Nasa na inóspita superfície de Marte têm sido exitosos, e um teste com a potência máxima está programado para março, disseram autoridades nesta quinta-feira.

Autoridades da Nasa e do Departamento de Energia dos EUA, numa entrevista em Las Vegas, detalharam o desenvolvimento do sistema nuclear do projeto Kilopower da Nasa.

Os testes começaram em novembro numa localidade do Departamento de Energia em Nevada com a perspectiva de fornecer energia para missões futuras de astronautas e robôs no espaço e na superfície de Marte, da Lua e de outros destinos no Sistema Solar.

Um obstáculo chave para qualquer colônia de longo prazo na superfície de um planeta ou da Lua é ter uma fonte de energia forte o suficiente para sustentar a base, mas pequena e leve o suficiente para ser transportada pelo espaço.

“Marte é um ambiente muito difícil para sistemas de energia, com menos luz do que a Terra ou a Lua, temperaturas noturnas muito frias, tempestades de areia que podem durar semanas e meses e atingir o planeta inteiro, disse Steve Jurczyk, do setor de tecnologia espacial da Nasa.

”Assim, o tamanho compacto e a solidez do Kilopower permitem que enviemos unidades múltiplas num módulo único para a superfície, que fornece dezenas de kilowatts de energia”, acrescentou.

Fonte: Reuters

Esta entrada foi escrita emClipping e tags , ,