Substância presente no chocolate causa intoxicação em cachorros; entenda

A Páscoa chegou e, com ela, os ovos de chocolate. A veterinária Patricia Flôr explica que é importante deixar o doce longe dos cachorros: as substâncias metilxantinas (teobromina e cafeína) estão presentes e causam envenenamento no animal.

Segundo Flôr, os chocolates brasileiros têm menor quantidade. Os importados costumam ter mais e uma pequena porção pode causar uma intoxicação forte. A dose tóxica para cães é em torno de 100 mg a 150 mg por kg de peso; a dose letal fica entre 250 mg a 500 mg por kg de peso.

A médica diz, ainda, que os gatos não são tão atraídos pelo sabor quanto os cachorros, mas, se ingerirem, o problema é o mesmo. A recomendação, portanto, é não dar chocolate para os pets.

“O maior problema em relação ao chocolate é que geralmente os cães adoram o sabor e os tutores acabam cedendo e dando. Ou, então, eles roubam mesmo em casa”, disse.

Quais são os sintomas da intoxicação?

Os donos de pets precisam saber que outros alimentos também causam problemas: cebola, café, semente de maçã, alguns chás (como o preto). Se acontecer, os sintomas são os seguintes:

  • Vômito
  • Diarreia
  • Pancreatite
  • Desidratação
  • Tontura

Se acontecer, leve ao veterinário. O animal vai precisar ser internado para tentar se recuperar.

Fonte: G1

Esta entrada foi escrita emClipping e tags ,