EXCLUSIVO: Sítio de caçadores é desativado em Niterói (RJ)


Danielle Jordan / AmbienteBrasil

Foram encontrados no local 20 pássaros, alguns ameaçados de extinção; dois cascos de tatu; peles de uma jibóia de 2 metros e de um quati; cerca de 20kg de cipó caboclo, nativo da Mata Atlântica; além de material para confecção de redes de neblina, utilizadas para apanhar pássaros.

O local foi descoberto pela equipe do Serviço de Proteção do Parque Estadual da Serra da Tiririca (PESET), do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), órgão da Secretaria do Ambiente. Depois de uma vistoria na região onde foi localizada uma carvoaria irregular na semana passada, o grupo encontrou o sítio.

Os responsáveis estão sendo procurados e devem responder por crime ambiental. As multas que devem ser aplicas serão calculados de acordo com o número de apreensões.

A população pode denunciar irregularidade ao Serviço de Proteção do parque, por meio do telefone (21) 2638-4813 ou do e-mail falecom@parqueserradatiririca.org. O Disque Ambiente também recebe denúncias pelo telefone: (21) 2332-4604.